Lembrando que...

No meu blog há inúmeras imagens, artigos e materiais encontrados na internet.
Caso vc seja o autor de quaisquer materiais, deixe seu recadinho, que lhe darei os devidos créditos.
Sem mais,
Julia Campanucci

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Pra lá deste quintal...


... é uma violência que não tem mais fim


Há muito tempo recebemos orientações e advertências quanto aos cuidados que devemos ter quando nos encontramos do lado de lá do portão da nossa casa _ Todos falam das atrocidades que ocorrem por lá: violência, morte de inocentes, balas perdidas, maldades sem motivos, seqüestros, estupros, entre tantos mais horrores.

 

Todas essas informações nos ajudam a ser alertas e também desconfiados de qualquer pessoa. Fazer novos amigos? Nem pensar! Medo, esse é o sentimento que nos toma conta diante do desconhecido.


 O problema é que hoje o desconhecido já tem não só as chaves do portão, mas acesso á  toda nossa casa, tem adentrado em nossa vida usando apenas um loguin e uma senha. Quem diria? A violência hoje, também é virtual!


 A violência pulou o muro, está aqui bem pertinho. Contaminou a mamãe que numa crise de cinco minutos brigou, bateu, matou!!! Atingiu o papai que esqueceu que o carinho também tem limite e assim a sua filha chora porque não deseja mais o afeto, um beijo, o abraço e um afago!


 E agora?

 Agora era fatal que a nossa paz terminasse assim...

Pois pra lá e pra cá deste quintal é uma violência que não tem mais fim!

 

Julia Campanucci

 


Um comentário:

Vivian Sbrussi disse...

Oieee amigaaaa!!!
td certinho?

tem selinho pra vc no meu blog!

link:
http://viviansbrussi.blogspot.com/2009/04/trofeu-pedagogia-do-afeto_25.html

bjoooo e um ótimo fds!