Lembrando que...

No meu blog há inúmeras imagens, artigos e materiais encontrados na internet.
Caso vc seja o autor de quaisquer materiais, deixe seu recadinho, que lhe darei os devidos créditos.
Sem mais,
Julia Campanucci

sexta-feira, 18 de abril de 2008

Um pouco de mim...


Li uma vez que
é por meio dos relacionamentos,
(qualquer relacionamento, seja dentro de uma família,
com amigos, no colégio, enfim, qq envolvimento
com outra pessoa)
que a gente cresce e se reconhece
É uma gde verdade, qdo nos envolvemos com outros
damos a oprtunidade à nós mesmos de sabermos quem somos,
como lidamos com as situações. É nos colocarmos diante
de um gde espelho q nos diz sem meias verdades, nossos defeitos
e nossas qualidades, q expões o q há de melhor e pior em nós...
Por isso, q muitos desejam ter um amor, muitos desejam ter amigos,
pq é assim q avaliamos qual é o estágio q nos encontramos...
E é tbem pelo mesmo motivo q muitos fogem da paixão,
q fogem das amizades... ao fazerem isso, estão fugindo de si,
negando a se auto conhecer... É uma pena q hj haja mais fugas
do q enfrentamentos!

Bem, mas quanto a mim...
não há segredo algum, sou uma pessoa
simples mas gosto muito e vivo à procura
do q há de melhor para se viver...

Nasci em Santo André e vivi um tempo da minha vida em sampa
Depois minha familia resolveu mudar-se para o interior, a cidade
escolhida Capão Bonito, não sei oq eles viram, simplesmente
se encantaram ...
Durante os conflitos da adolescencia, sonhava eu, em voltar para Sp
achava q lá se escondia minha felicidade, hj tenho a certeza de q
eu estava enganada, completamente enganada!
Como a maioria eu queria vencer, ser alguém na vida e achava q
havia um super degrau q me faria subir, mas esses degraus não existem,
assim, aos 18 anos eu me encontrava com um diploma de magistério na
mão, e me sentia ridicula e inútil... Guardei o diploma no fundo da gaveta,
como um daqueles papéis q pouco interessam, tinha vergonha de dizer q
eu tinha formação para ensinar, logo eu, q adorava aprender...

Depois de 4 anos retornei ao colégio, q sensação maravilhosa é voltar a ter um grupo, é voltar a ser aluno, é matar aula, combinar o churrasco pro fim de semana,
a excursão com os colegas, a pizzaria, a paquera, a cantina, as erguidas dos professores... me senti novamente gente, me senti realizada, me senti feliz...me apaixonei...não por alguém, mas pela vida, pelo que sentia... queria q fosse eterno....

Sabe, qdo estamos felizes conseguimos o q queremos
Eu consegui,
Consegui um novo emprego
Consegui um amigo, um amor, um presente em minha vida

Mas o tempo passa
E passou...
passou o ano, passou o curso, passou os amigos
Passou...

E hj o q restou
são oportunidades de conhecer novos amigos
e poder relembrar, (assim como faço agora)
e poder dizer q tudo isso é parte de mim...
é minha vida!

Hj sou professora de educação infantil,
e é uma alegria a cada dia poder estar com as cças
desfrutando parte de sua energia, de suas fantasias,
de suas pequenas vidas...

E o amor?
ahhh! de vez em quando, o amor...

abraços,
Julia

Um comentário:

Denis disse...

Sabe aquela sensação incontrolável de querer saber o que vem depois das reticências de uma frase?
Bom, muito bom!
Abraços,